Bahia: mulher tira a própria vida em laje de prédio em construção

Mulher tira a própria vida e deixa uma filha de 12 anos

Um dona de casa, identificada preliminarmente como Andreia Moura, de 28 anos, cometeu suicídio durante a madrugada deste sábado (23), no distrito de Lages do Batata, município de Jacobina. Ela se enforcou em sua própria casa, utilizando uma corda, que foi amarrada na coluna do primeiro andar da residência.

De acordo com populares, antes de cometer suicídio, Andréia teria envenenado um cachorro de estimação, talvez, para que o animal não acordar os vizinhos com o barulho.

Segundo informações da família, Andréia era epilética, que é uma doença em que há perturbação da atividade das células nervosas no cérebro, causando convulsões, porém, sem nenhuma relação com suicídio. Ela era filha da agricultora Marivalda Moura, que reside no povoado de Saco, no município de Várzea Nova.

A morte de Andreia chocou a comunidade de Lages do Batata, onde era bastante conhecida e gozava de bom relacionamento com os moradores.

Ainda não se sabe o que teria levada a dona de casar a dar cabo da própria vida.  A Polícia Civil irá fazer a investigação, inclusive ouvindo familiares e pessoas próximas.
Fonte: Jacobina 24 Horas / jacobina notícias